Plano de classificação

Coleção José Manuel Geraldes NetoData de Produção Inicial:1871Data de Produção Final:2019Nível de Descrição:ColecçãoQuantidade de Unidades de Instalação:Quantidade: 32Tipo: Cx.Quantidade: 129Tipo: DossierQuantidade: 9Tipo: Pt.Nome do Produtor e História Administrativa/Biográfica:Nome do Produtor: Neto, José Manuel GeraldesHistória Administrativa: Nasceu em Lisboa, a 23 de julho de 1942. O futuro chefe de pessoal do Hotel Estoril Sol e do Hotel do Guincho, que viria a integrar a direção da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Alcabideche, dedicou grande parte da sua vida ao colecionismo, paixão que nutriu desde tenra idade. O modelismo e a história dos bombeiros transformar-se-iam nas suas distrações prediletas, razão pela qual, em 1988, entre as 5 000 miniaturas da sua coleção já contava com 600 viaturas dos soldados da paz. Para a constituição daquela que é considerada a melhor coleção de miniaturas de material para combate a incêndios existente no nosso país estabeleceria uma rede de permutas em Portugal e no estrangeiro, abraçando o estudo da história de cada um dos modelos que adquiriu, montou ou construiu de raiz. Era habitual começar a trabalhar numa peça depois de jantar e fazer uma “direta” para a concluir! Para aprofundar os seus conhecimentos recorreu a uma infinidade de livros, jornais e revistas especializados, que lhe permitiu constituir uma grande biblioteca e um extraordinário repositório de todo o tipo de fontes. Começou depois a colaborar ativamente na produção de textos para a imprensa e alguns dos mais importantes estudos sobre a temática, dando início a uma obra sobre a história dos bombeiros portugueses, que devido à sua meticulosidade estava longe de concluir quando faleceu, a 25 de julho de 2019. A sua casa em Alcabideche transformar-se-ia, com o apoio da família, num verdadeiro museu. Em 1997, a coleção de miniaturas de carros de bombeiros já ultrapassava as 2 000 peças, às quais se juntavam milhares de exemplares de outros tipos de automóveis, brinquedos tradicionais portugueses e todo o género de peças relativas aos soldados da paz. As peças da sua coleção foram sendo exibidas desde 1981, nomeadamente na Feira Internacional de Lisboa, no Casino Estoril, na Junta de Turismo da Costa do Estoril, no CascaiShopping e em diversas coletividades do concelho. Em 2021 seriam depositadas no Arquivo Histórico Municipal de Cascais, no âmbito do Programa de Recuperação de Arquivos e Documentos de Interesse Municipal, em prol da sua preservação, organização e fruição pública.História Custodial e Arquivística:PRADIMÂmbito e Conteúdo:A coleção é constituída por 4 secções: Documentos Pessoais, História dos Bombeiros, Documentos Bibliográficos e Bens Museológicos.Sistema de Organização:Critério TemáticoPaís:PortugalNotas:Cota do Fundo: H14.Código de Referência:PT/CMCSC-AHMCSC/AESP/CJMGN